Fauna News

Buscar

banner_20-08-2014.gif

Terça-Feira, 30 DE Junho DE 2015

As onças xerimbabos da Amazônia

Em 9 de junho de 2015, o Fauna News publicou o post “Onça-pintada sendo vendida? Sim, em Barcelos (AM)”, em que foi comentado o caso da estudante de 17 anos que comprou, em Barcelos, um filhote de onça-pintada. A jovem adquiriu o animal para evitar que ele fosse criado como bicho de estimação e entrega-lo ao poder público.

Um novo caso envolvendo a espécie aconteceu no Amazonas.

“O Ibama autuou duas pessoas em Manaus/AM e aplicou multa de R$ 5 mil para cada uma por manterem em cativeiro um filhote de onça-pintada (Panthera onca).

Oncinha apreendida em Manaus (AM)

O animal havia aparecido na sede de uma fazenda do município de Rio Preto da Eva, a 57 km da capital, no início do mês de maio.

As investigações para encontrar o filhote, realizadas pelo Ibama e pela Polícia Civil do estado, tiveram início depois que uma postagem em uma rede social divulgada pela imprensa local indicou que o animal encontrado havia sido devolvido para o Ibama. No entanto não constava no instituto nenhum registro de entrega de um filhote de onça no período. O Ibama entrou em contato com outras entidades relacionadas com o meio ambiente no estado, mas nenhuma também havia recebido o animal.

No dia 14 de maio, as investigações levaram ao local em que o filhote estava sendo mantido em cativeiro, no bairro de São Raimundo, em Manaus, porém a onça já tinha sido removida e não havia ninguém no local. O contato com moradores nas proximidades levou a pistas dos responsáveis, que puderam ser identificados e autuados. Eles teriam abandonado o filhote nas proximidades de um centro comunitário como tentativa de se livrarem das provas do delito.”
– texto da matéria de divulgação do Ibama “Ibama autua dois por manterem filhote de onça em cativeiro”, publicada em 19 de junho de 2015 no site do órgão federal

Filhote apreendido em Barcelos (AM)Será que algum representante dos órgãos ambientais tentou ou tentará investigar o que aconteceu com as mães dos filhotes? Provavelmente, para não afirmar com certeza, que não. Na Amazônia, não é incomum que as fêmeas adultas sejam abatidas e os filhotes sejam criados como bichos de estimação (os “xerimbabos”, na língua tupi) – o que muitas vezes acaba em comércio ilegal.

Novamente, a falta de educação ambiental junto às populações ribeirinhas ou que vivem em localidades isoladas gera esse tipo de problema. O poder público não investe em conscientização, o que evita muitos problemas, e tampouco reprime exemplarmente os crimes cometidos.

Por fim, vale perguntar: alguém acha que esses filhotes voltarão para a natureza? A espécie perdeu fêmeas adultas e suas futuras gerações de filhotes, além dos pequenos felinos que foram apreendidos e passarão o restante de suas vidas em cativeiro sem curpir todas suas funções ecológicas.

O Brasil está jogando sua fauna no lixo.

- Leia a matéria do Ibama
- Releia o post “Onça-pintada sendo vendida? Sim, em Barcelos (AM)”, publicado pelo Fauna News em 9 de junho de 2015

Postado por Dimas Marques às 00:00

Deixe seu comentário

comentários por Disqus

Artigos relacionados