Fauna News

Buscar

banner_20-08-2014.gif

Quarta-Feira, 10 DE Junho DE 2015

Saguis filhotes viviam sem comida em gaiola pequena e suja

A crueldade é uma das faces do tráfico de animais silvestres. Com certeza a que mais causa impacto nas pessoas. No Projeto Mucky, entidade localizada em Itu (SP) e que acolhe pequenos primatas vítimas do comércio ilegal, histórias de dor e sofrimento não faltam. Conheça a mais recente:

Os dois filhotes viverão em cativeiro para sempre“Em maio, o Projeto Mucky recebeu mais dois moradores que deixaram tudo mais colorido e animado: Luck (92 gramas) e Cisquinho (87 gramas). Os dois saguis bebês machos chegaram a Itu com pouco mais de um mês de vida.

O resgate aconteceu por meio de uma ação eficiente, coordenada pela ONG Anjos dos Bichos e pela Polícia Ambiental de Mairinque. Eles foram encontrados no porão de uma casa, dentro de uma gaiola minúscula, sem alimentação suficiente e adequada, e em meio à sujeira. Os dois ficavam o tempo todo agarrados e, dessa maneira, conseguiam se aquecer mutuamente. Segundo a equipe Mucky, o amor entre eles certamente foi um passo para a salvação dos maus-tratos a que foram submetidos.

Em Itu os saguizinhos foram recebidos com muito carinho pela equipe de tratadoras e pelos pais adotivos Aipim e Cuca, que os protegem e ensinam “coisas macacais”. Vítimas do comércio de animais, eles jamais poderão voltar à liberdade, mas encontraram paz na sede do Projeto Mucky.”
– texto da matéria “Pitadinhas de amor: Projeto Mucky recebe bebês saguis”, publicada em 5 de junho de 2015 pelo site Itu.com.br

Retirados da natureza, confinados cruelmente e condenados ao cativeiro. É triste, mas é a rotina de muitos animais. Culpa de quem trafica. Culpa de quem compra os bichos.

- Leia a matéria do site Itu.com.br
- Conheça o Projeto Mucky

Postado por Dimas Marques às 00:00

Deixe seu comentário

comentários por Disqus

Artigos relacionados