Fauna News

Buscar

banner_20-08-2014.gif

Terça-Feira, 12 DE Janeiro DE 2016

Criador é flagrado com aves ilegais em Uberlândia (MG)

Casos como esse não são incomuns e deveriam ter punição mais pesada“Um homem de 45 anos foi preso pela Polícia Militar (PM) de Meio Ambiente, neste domingo (10). Ele mantinha 35 aves da fauna silvestre na casa em que mora no bairro Custódio Pereira, zona leste de Uberlândia. O suspeito foi denunciado à polícia que realizou buscas no local. Parte dos animais estava sem anilhas e era mantida em gaiolas nas paredes da residência.

No local, os militares constataram que o homem suspeito era criador de pássaros e que 29 das aves, canários da terra, estavam regulares e identificadas. Durante a fiscalização foi verificado que outros cinco canários da terra estavam sem anilhas e ainda que um papagaio sem nenhum tipo de documentação expedida pelo órgão competente.”
– texto da matéria “Polícia Ambiental prende homem que mantinha aves em cativeiro”, publicada em 10 de janeiro de 2016 pelo site do jornal Correio de Uberlândia (MG)

Situações como essa não são incomuns, Pelo contrário. Muitos criadores mantêm parte de seu plantel com aves regulares e outra parte com animais traficados ou capturados pelo próprio criador.

Também não é incomum, nesses casos, a utilização de anilhas falsas (os anéis metálicos de identificação) ou ainda o reaproveitamento de anilhas de aves que já morreram em animais de procedência irregular.

Fiscalizar criadores é fundamental. E para esses infratores, que sabem das irregularidades que cometem e não precisam de educação ambiental, as multas e a punição legal deveriam ser mais pesadas. 

- Leia a matéria completa do Correio de Uberlândia
- Saiba mais sobre o tráfico de animais silvestres

 

Postado por Dimas Marques às 00:00

Deixe seu comentário

comentários por Disqus

Artigos relacionados