Fauna News

Buscar

banner_20-08-2014.gif

Terça-Feira, 29 DE Março DE 2016

Cobras via Sedex

Imagem da cobra feita pelo aparelho de raio-X no interior paulista“Uma cobra foi apreendida dentro de uma caixa de Sedex nesta terça-feira (22) em uma agência dos Correios, em São José do Rio Preto (SP). A apreensão foi feita pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama).

De acordo com informações do instituto, uma equipe foi acionada depois de o aparelho de raio-X dos Correios detectar que havia algo estranho em um dos pacotes despachados via Sedex. A equipe foi até o local, passou a caixa novamente pelo equipamento e constatou que parecia realmente uma cobra.

O embrulho foi apreendido e levado para a sede do Ibama, onde os funcionários abriram o pacote e encontraram a cobra viva dentro da caixa plástica. O réptil estava enrolado em um pedaço de pano. Segundo os fiscais, na caixa tinham quatro CD’s, embrulhados em papel alumínio, para tentar burlar o aparelho de raio-X.

Segundo o Ibama, a cobra é um exemplar exótico da espécie conhecida como cobra-do-milho, de origem americana, com aproximadamente um metro de comprimento. O Ibama disse que é uma espécie muito dócil e, apesar dos maus-tratos, aparentava estar saudável e sem ferimentos. O pacote veio de Minas Gerais e o destino seria uma cidade da região Rio Preto. O Ibama investiga quem seriam remetente e destinatário.

No pacote não havia qualquer tipo de documento e, segundo o Ibama, como esta serpente não pertencente à fauna silvestre brasileira não pode ser solta na natureza. Por isso, ela será levada ao zoológico de Rio Preto.”
– texto da matéria “Cobra exótica é encontrada dentro de caixa do Sedex em Rio Preto”, publicada em 23 de março de 2016 pelo portal G1

Achou a situação inusitada? Infelizmente, o fato nada tem de raro ou fora do comum...

O Centro de Triagem de Animais Silvestres de Minas Gerais publicou em seu perfil no Facebook em 24 de março de 2016:

Caixa do Sedex com as jiboias, em Minas Gerais“Mesmo sendo nossa rotina não conseguimos nos acostumar com certas atitudes humanas...

Recebemos mais uma caixa de Sedex com os clássicos embrulhinhos de meia calça contendo serpentes... Nove (sim, nove!!!) filhotes de jiboias (Boa constrictor) que chegaram a nossas mãos em péssimas condições de saúde, uma delas já morta...

Como uma criatura, em sã consciência, é capaz de colocar serpentes em uma caixa de Sedex e despachar pelos correios???

Não entra em nossa cabeça a atitude desse "vendedor" e menos ainda a outra ponta da cadeia... Quem tem coragem de comprar um animal sabendo tudo que ele vai passar para ser entregue???

Vamos nos esforçar para salvá-las e ficaremos na torcida para que um dia os seres humanos repensem suas atitudes...”


E quando não são cobras, são iguanas, lagartos, aranhas e por aí vai.

Os Correios são utilizados com muita frequência pelos traficantes de animais. A intenção é evitar ficar circulando com animais; uma tentativa de não serem presos. O que se espera é que a Polícia Federal e o Ibama realmente investiguem esses casos e que os Correios aprimorem, tanto com equipamentos como com treinamento de funcionários, a verificação das encomendas.

- Leia a matéria completa do G1
- Leia o post do Cetas de MG
- Saiba mais sobre o tráfico de animais

Postado por Dimas Marques às 00:00

Deixe seu comentário

comentários por Disqus

Artigos relacionados