Fauna News

Buscar

banner_20-08-2014.gif

Quarta-Feira, 25 DE Maio DE 2016

Olha o Bicho! - Quati

O quati é bastante caçado e já desapareceu de muitos fragmentos de floresta

Por Luciana Ribeiro
lucianaribeiro@faunanews.com.br

Nome populare: quati
Nome científico: Nasua nasua
Estado de conservação: “pouco preocupante” na lista vermelha da IUCN e sem classificação na Lista Nacional Oficial de Espécies da Fauna Ameaçadas de Extinção

O quati é uma espécie bastante comum, o carnívoro mais abundante na maioria dos lugares onde ocorre, com ampla distribuição por todo o Brasil, Colômbia, norte da Argentina e Uruguai. No Parque Nacional do Iguaçu, por exemplo, é presença certa e atração turística. Em locais assim, o quati se mostra bastante habituado à proximidade humana.

Onívoro, o quati tem uma dieta bastante variada, com frutos e invertebrados como base. Com seu longo focinho de ponta móvel, revolve a vegetação no chão para achar minhocas, larvas, pequenos anfíbios e outros alimentos. Costuma percorrer de 1,5 a 2 quilômetros por dia em busca de alimento. Essa busca é facilitada em lugares como parques, onde há lixeiras e restos de alimentos consumidos pelo homem, e por isso, nesses locais, o quati passa a se alimentar principalmente desses itens.

Rápido e hábil, o quati se locomove pelas árvores tão bem quanto no solo e usa a cauda como membro de equilíbrio. Quando está no solo, ele deixa a cauda ereta para ser facilmente localizado pelos outros indivíduos do grupo - o quati vive em grupos de 4 a 20 indivíduos. De hábitos diurnos, dorme no alto das árvores, enrolado como uma bola. 

O quati se locomove pelas árvores tão bem quanto no solo e usa a cauda como membro de equilíbrioO quati tem o dorso marrom e a cauda é comprida, peluda e malhada de preto e branco. Os machos são maiores que as fêmeas e chegam a pesar 10 kg. A fêmea faz seu ninho em galhos de árvores, no alto, e depois de uma gestação de 10 a 11 semanas tem de 2 a 7 filhotes. A expectativa de vida do quati é de cerca de 15 anos.

Quando atacado, o quati foge rapidamente, subindo em árvores altas. É o que faz quando é perseguido por cachorros de caçadores. Fica lá em cima, acreditando estar seguro. E estaria mesmo se o seu perseguidor fosse apenas o cão. Mas um tiro de espingarda o atinge facilmente. Apesar de não aparecer nas listas de espécies ameaçadas, o quati é bastante caçado e já desapareceu de muitos fragmentos de floresta.

Postado por Dimas Marques às 00:00

Deixe seu comentário

comentários por Disqus

Artigos relacionados